História 7º ano | Os Gregos no século V a.C.: exemplo de Atenas

 

RESUMOS E EXERCÍCIOS   »   7º ANO   »   HISTÓRIA   »   OS GREGOS NO SÉC. V A.C.: EXEMPLO DE ATENAS


HISTÓRIA | 7º ANO


OS GREGOS NO SÉC. V A.C.: EXEMPLO DE ATENAS


RESUMO
POWERPOINTS
VÍDEOS
AULAS E FICHAS #ESTUDOEMCASA
EXERCÍCIOS
APRENDIZAGENS ESSENCIAIS


RESUMO

HISTÓRIA 7º ANO | A HERANÇA DO MEDITERRÂNEO ANTIGO

OS GREGOS NO SÉC. V A.C.: EXEMPLO DE ATENAS

 

 

O mundo helénico no século V a.C.

 

  Condições geográficas

¬ A Grécia fica situada na Península Balcânica, no Mediterrâneo Oriental.
¬ A Hélade – como os Gregos (ou Helenos) chamavam à sua terra – tinha um território superior ao de hoje.
¬ Para além da Península Balcânica, faziam parte da Grécia numerosas ilhas e uma faixa de território na Ásia Menor.
¬ A partir de meados do século VIII a. C., os Gregos expandiram-se também pelo Mediterrâneo e pelo Mar Negro.

¬ O solo da Grécia é muito montanhoso e de difícil acesso.
¬ Existem poucos rios e os solos são pouco férteis.
¬ A costa é bastante recortada, onde predominam golfos e baías.

 

  Atividades económicas

¬ Apesar das terras pobres para a agricultura, os Gregos conseguiram cultivar, com duro trabalho, cereais, vinha e oliveira.
¬ Dedicavam-se também à pastorícia (criavam cabras e ovelhas), mas foi no mar que procuraram melhores condições de vida.
¬ Entregaram-se então à pesca e ao comércio.

 

  Organização política

¬ Devido às condições geográficas da Grécia, as populações viviam isoladas umas das outras.
¬
Localizadas em locais estratégicos, as aldeias cresceram e deram origem a cidades-estados.
¬ Apesar da divisão em cidades-estados independentes, os Gregos consideravam-se um só povo porque tinham a mesma religião, língua e costumes.

 

  • •  Cidade-estado (ou pólis):
    • comunidade com território, governo, leis e moeda próprios, sendo por isso independente das outras cidades-estados

 

»  Partes de uma cidade-estado

  • ι Acrópole:
    • parte alta da cidade, onde se situavam os templos e se prestava culto aos deuses
  • ι Zona urbana:
    • parte baixa da cidade, onde vivia a população e onde se situava a ágora (praça pública onde se discutia política e onde os cidadãos conviviam)
  • ι Zona rural:
    • constituída por terras de cultivo, de pastoreio ou bosques

 

 

O exemplo de Atenas

 

  Localização

¬ Atenas era uma pólis situada na Península Ática. 

 

  Economia

¬ Atenas possuía uma economia comercial e monetária, devido à importância do comércio e por ser utilizada a moeda (o dracma) nas trocas comerciais.
¬ Graças à força da sua economia, Atenas era a cidade mais poderosa do mundo grego.

 

  Sociedade

  • ι Cidadãos:
    • filhos de pai e mãe atenienses, maiores de 18 anos
      eram os únicos a possuir terras e só eles podiam participar na vida política da pólis
  • ι Metecos:
    • estrangeiros que viviam em Atenas
      dedicavam-se sobretudo ao artesanato e ao comércio
      estavam sujeitos ao serviço militar e ao pagamento de impostos
  • ι Escravos:
    • prisioneiros de guerra
      eram homens não livres
      trabalhavam nas terras, no artesanato, nos serviços domésticos, …

 

  Regime político

¬ No século V a. C., estabeleceu-se uma forma de governo inovadora – a democracia.

 

  • •  Democracia:
    • regime político em que o poder pertence ao povo e que defende a igualdade

 

¬ Como a cidade era governada pelos próprios cidadãos, diz-se que Atenas foi governada segundo uma democracia direta.
¬ Quando os cidadãos apenas têm a possibilidade de escolherem os seus governantes, chama-se a esse regime democracia indireta.

 

»  Órgãos de poder

  • ι Bulé (conselho dos quinhentos):
    • prepara os projetos-lei
      constituída por 500 membros escolhidos por sorteio
  • ι Eclésia (assembleia dos cidadãos):
    • aprova as leis que foram preparadas anteriormente pela Bulé
      constituída pelos cidadãos
  • ι Estrategos (magistrados):
    • comandam o exército e a marinha e administram a cidade
      10 magistrados eleitos pelos cidadãos
  • ι Helileu (tribunal popular):
    • julga os casos civis e criminais
      constituído por 6000 juízes escolhidos por sorteio

 

»  Ação de Péricles

¬ Para a instauração da democracia ateniense, foram importantes as medidas de Sólon, Clístenes e Péricles.
¬ Este último concedeu subsídios a todos os cidadãos que possuíssem cargos políticos, de forma a possibilitar que qualquer cidadão pudesse participar na vida política, até os mais pobres.

 

»  Limitações da democracia ateniense

¬ Apenas os cidadãos, cerca de 10% da população, podiam participar na vida política.
¬ Atenas servia-se de escravos, o que contradizia o princípio de igualdade.
¬ Tal como o facto de Atenas ser um povo dominador, possuindo um poderoso império marítimo.

¬ Apesar destas imperfeições, o regime político ateniense serviu de inspiração às democracias dos dias de hoje.

 

  Vida quotidiana

 

»  No meio rural

¬ A maior parte dos atenienses vivia no campo, entregue aos trabalhos rurais, com a ajuda de dois ou três escravos.
¬ Estes pequenos proprietários levavam uma vida simples e apenas se descolocavam à zona urbana para vender os seus produtos e para participar, de vez em quando, nas sessões da Eclésia.

 

»  No meio urbano

¬ Os atenienses que habitavam na cidade apreciavam a vida movimentada.
¬ Passavam a maior parte da vida ao ar livre.
¬ A ágora era o centro da vida de Atenas, onde se amontoavam lojas e barracas de feira, e onde os atenienses conviviam e discutiam questões relacionadas com a política da pólis.
¬ Frequentavam termas e ginásios, pois davam importância à saúde e ao aspeto físico.

 

»  As mulheres atenienses

¬ As mulheres ficavam encarregues das tarefas domésticas e da educação das crianças.
¬ Habitavam numa parte da casa que lhes estava reservada, o gineceu, mantendo-se completamente afastadas da vida pública.
¬ Raramente saíam à rua, apenas para irem às compras, e quando o faziam iam acompanhadas de escravas.
¬ Nem sequer era hábito assistirem às festividades públicas, como jogos e peças de teatro.

 

  Educação e formação dos jovens

¬ Existia uma grande preocupação na educação dos jovens, pois era necessário prepará-los para a defesa da pólis e para participarem na vida democrática de Atenas.

  • ι Até aos 7 anos:
    • viviam no gineceu e eram educados pelas suas mães
  • ι A partir dos 7 anos:
    • os rapazes iam para a escola onde aprendiam a ler, a escrever, a recitar poemas antigos (sobre heróis gregos que lhes deveriam servir de exemplo moral), aritmética e música
  • ι A partir dos 12 anos:
    • iniciavam os exercícios atléticos
  • ι A partir dos 15 anos:
    • continuavam a sua educação em ginásios, onde praticavam desportos
      ⤷ aprendiam ainda ciências, artes e leis
  • ι Aos 18 anos:
    • tornavam-se cidadãos, prestavam serviço militar e podiam começar a participar na vida política

 

¬ As raparigas, por sua vez, continuavam a sua educação no gineceu, de forma a se prepararem para a vida doméstica.

 

  Religião

¬ Os Gregos adoravam vários deuses, sendo por isso um povo politeísta.
¬
Os deuses gregos eram representados sob a forma humana e, tal como os humanos, tinham as suas virtudes e defeitos.
¬ Distinguiam-se dos seres humanos pelos seus poderes e por serem imortais.
¬ 
Os deuses mais importantes viviam no Olimpo, o monte mais alto da Grécia.
¬ 
Além dos deuses, os Gregos veneravam os heróis, homens que se haviam distinguido pelos seus feitos extraordinários, num passado longínquo – eram considerados semideuses.

 

»  Tipos de culto

  • ι Culto familiar:
    • realizado em casa pelo chefe de família
      pedia-se proteção aos deuses do lar
  • ι Culto cívico:
    • realizado nos templos da cidade pelos sacerdotes
      em honra dos deuses protetores da pólis
  • ι Culto pan-helénico:
    • reunião de pessoas vindas de toda a Grécia em santuários onde se faziam jogos, concursos de música e de poesia
      ⤷ em honra dos deuses comuns a todo o mundo helénico
      ⤷ ex: os jogos Olímpicos no santuário de Olímpia, em honra a Zeus

 

  Cultura

  • ι Teatro:
    • nasceu com as festas em honra a Dionísio, deus do vinho
      representações de tragédias e comédias
      maiores autores: Ésquilo e Aristófanes
  • ι História:
    • Hérodoto e Tucídides, narraram e relataram acontecimentos passados com os Gregos e com outros povos
  • ι Filosofia:
    • Sócrates, Platão e Aristóteles, com as suas ideias, transmitiram reflexões sobre o Bem, a Verdade e as dúvidas e angústias do Homem

 

  Arte

  • ι Arquitetura:
    • estádios
      teatros
      templos:

      • seguiam três ordens arquitetónicas → ordem dórica, jónica e coríntia
        ⤷ principais elementos → frontão, friso, arquitrave, coluna, composta pelo capitel, fuste e base, e estilóbato
        ⤷ planta → retangular
    • ⤷ principais características → equilíbrio e proporcionalidade
  • ι Escultura:
    • principal tema → o Homem
      principais características → o naturalismo (perfeição na representação humana) e o idealismo (as figuras eram sempre jovens ou adultos e eram representadas segundo um ideal de beleza)

  • ι Pintura:
    • é-nos dada a conhecer sobretudo pela cerâmica
      ⤷ principais temas → cenas da vida quotidiana e da mitologia grega
      ⤷ as figuras eram pintadas em preto sobre o fundo vermelho dos vasos e, mais tarde, passaram a ser pintadas em vermelho sobre um fundo preto.

voltar ao topo


POWERPOINTS/SLIDESHARE

voltar ao topo


VÍDEOS YOUTUBE

Para navegar entre os vários vídeos clicar na parte superior direita do player no símbolo  .

voltar ao topo


AULAS E FICHAS #ESTUDOEMCASA

#EstudoEmCasa 2020/2021

História 7º e 8º anos

Aula 15   |   “Herança:​ da expansão portuguesa e espanhola; do Mediterrâneo antigo ao mundo helénico”   »   ver aula  ·  ficha  ·  correção
Aula 16   |   “Seres humanos escravos: – O tráfico de seres humanos como uma realidade, na expansão europeia, do séc. XV e XVI; – Os seres humanos escravos, em Atenas, do séc. V a.C.”   »   rever a aula  ·  ficha  ·  correção
Aula 17   |   “Entre a união e a independência política: união ibérica; democracia ateniense e democracia atual em Portugal”   »   ver aula  ·  ficha  ·  correção
Aula 18   |   “Independência política da cidade-estado de Atenas. Restauração da independência de Portugal (1640)”   »   ver aula  ·  ficha  ·  correção
Aula 19   |   “Raízes mediterrânicas da civilização europeia: a conceção de Homem, em Atenas, no século V a. C.. A conceção de Homem, no Renascimento, no início da Modernidade”   »   ver aula  ·  ficha  ·  correção
Aula 20   |   “O Homem é a medida de todas as coisas (…) (PROTÁGORAS) – Arte do Renascimento/Arte Clássica”   »   ver aula  ·  ficha  ·  correção

voltar ao topo


EXERCÍCIOS

Teste   |   enunciado

voltar ao topo


APRENDIZAGENS ESSENCIAIS

  • Analisar a experiência democrática de Atenas do século V a.C., nomeadamente a importância do princípio da igualdade dos cidadãos perante a lei, identificando as suas limitações;
  • Identificar manifestações artísticas do período clássico grego, ressaltando os seus aspetos estéticos e humanistas;
  • Reconhecer os contributos da civilização helénica para o mundo contemporâneo;
  • Identificar/aplicar os conceitos: cidade-estado; democracia; cidadão; meteco; escravo; economia comercial e monetária; arte clássica; método comparativo.

voltar ao topo


RESUMOS E EXERCÍCIOS
7º ANO | HISTÓRIA


 

Também te pode interessar…