Ciências Físico-Químicas 7º ano | Universo

CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS | 7º ANO

 


RESUMO DA MATÉRIA

POWERPOINTS

VÍDEOS

EXERCÍCIOS

METAS CURRICULARES


 

UNIVERSO

 

CONSTITUIÇÃO DO UNIVERSO

 

 

Corpos celestes

 

  • Planetas:
    • corpos celestes sem luz própria que orbitam em torno de uma estrela
    • podem ter satélites que orbitam à sua volta

 

  • Estrelas:
    • corpos celestes com luz própria
    • quanto maior a massa da estrela → maior a temperatura à superfície → maior o seu brilho → mais azulada

a

    • no seu núcleo ocorre uma reação química em que o hidrogénio é transformado em hélio e é libertada muita energia:

hidrogénio → hélio + energia

 

    • durante a sua vida, encontram-se na maior parte do tempo na fase de sequência principal, mas quando caminham para a sua fase final aumentam muito de tamanho e ficam avermelhadas (gigantes vermelhas) e depois voltam a contrair terminando como anãs brancas, estrelas de neutrões ou buracos negros, conforme a sua massa:

 

  • Sistema planetário:
    • conjunto formado por uma estrela, planetas e outros corpos não estelares que se movem à sua volta
    • a Terra encontra-se no Sistema Solar, mas existem muitos outros sistemas planetários no Universo

 

 

  • Enxames de estrelas:
    • grupos de estrelas que se movem em torno de um ponto
    • podem ser enxames abertos ou globulares

 

  • Galáxias:
    • conjunto de estrelas, gases e poeiras que se movem em torno de um ponto
    • podem ser em espiral, elípticas ou irregulares (sem forma definida)
    • o Sistema Solar encontra-se num dos braços da galáxia Via Láctea que tem forma de disco e braços em espiral
    • os gases e poeiras de uma galáxia formam nebulosas planetárias (brilhantes) e nebulosas difusas (escuras), e é nas nebulosas difusas que se formam as estrelas

 

 

  • Enxames de galáxias:
    • conjuntos de galáxias que se movem em torno de um ponto

 

  • Superenxames de galáxias:
    • conjuntos de enxames de galáxias que se movem em torno de um ponto

 

  • Quasares:
    • corpos muito distantes, semelhantes a galáxias, muito brilhantes e que parecem estrelas
    • quasar vem de quasi stellar que significa “quase estrela”

 

 

O lugar da Terra no Universo

 

Terra (planeta) → Sistema Solar (sistema planetário) → Via Láctea (galáxia) → Grupo Local (enxame de galáxias) → Superenxame Local (superenxame de galáxias) → Universo

 

 

 

OBSERVAÇÃO DO CÉU

 

 

A Esfera Celeste

 

  • Esfera Celeste:
    • esfera imaginária que envolve a Terra

 

  • Horizonte do lugar:
    • superfície terrestre que vemos e a partir da qual começa a parte visível da Esfera Celeste

 

  • Constelações:
    • grupos de estrelas que aparentam estar próximas umas das outras, formando na Esfera Celeste determinadas figuras
    • exemplos:
      • Ursa Maior e Ursa Menor (visíveis no hemisfério Norte)
      • Cruzeiro do Sul (visíveis no hemisfério Sul)

 

 

As estrelas e a orientação durante a noite

 

  • Estrela Polar:
    • estrela imóvel na Esfera Celeste porque encontra-se na direção do eixo de rotação da Terra
    • encontra-se na Ursa Menor
    • indica o Norte
    • todas as estrelas rodam de este para oeste em torno da estrela Polar

 

  • Cruzeiro do Sul:
    • constelação que permite localizar o Sul (a estrela do braço maior aponta para Sul)

 

 

 

EVOLUÇÃO DO CONHECIMENTO SOBRE O UNIVERSO

 

 

Modelo geocêntrico e modelo heliocêntrico

 

  • Modelo geocêntrico:
    • apresentado por Ptolomeu, na Idade Média
    • defendia que a Terra era o centro do Universo, e que todos os outros corpos celestes se moviam à sua volta

 

Observações de Galileu (pioneiro na utilização de telescópios para a observação de corpos celestes):

  • a Lua não era lisa (tinha vales e montanhas)
  • a Via Láctea tinha milhões de estrelas
  • Júpiter tinha 4 luas
  • Vénus era visto com formas e tamanhos diferentes

 

As observações de Galileu colocaram em causa o modelo geocêntrico, pois chegou à conclusão que Vénus não estava sempre entre o Sol e a Terra.

 

  • Modelo heliocêntrico:
    • apresentado por Copérnico, no Renascimento, e defendido por Galileu
    • defendia que era o Sol o centro do Universo, e que todos os outros corpos celestes se moviam à sua volta

 

  • Modelo atualmente aceite:
    • hoje sabe-se que o universo é muito maior do que se acreditava
    • o sol é o centro do sistema solar, que é apenas um dos sistemas planetários existentes na Via Láctea, que é, por sua vez, apenas uma das galáxias que existem no Universo

 

 

Exploração espacial

 

Telescópios:

  • telescópio ótico:
    • deteta luz visível (que os nossos olhos detetam)
  • radiotelescópio:
    • deteta luz não invisível (que os nossos olhos não detetam)
  • telescópio espacial:
    • deteta luz visível e não visível, sem a interferência da atmosfera
      • exemplo: telescópio Hubble

 

Naves espaciais:

  • veículos com sistema sistema propulsor que permite viajar além da atmosfera da Terra
  • podem ser tripuladas ou não tripuladas (sondas espaciais)

 

Principais missões espaciais:

  • Sputnik:
    • 1ª missão não tripulada
    • Sputnik 1: envio de um satélite artificial para se manter em órbita terrestre
    • Sputnik 2: levou o primeiro ser vivo para o Espaço (a cadela Laika, que não regressou viva)
  • Vostok:
    • 1ª missão tripulada: levou para o Espaço o primeiro cosmonauta (Yuri Gagarin)
  • Apollo 11:
    • transportou três homens para a Lua (1969)

 

Agências Espaciais:

  • NASA (criada pelo governo dos EUA)
  • ESA (Agência Espacial Europeia)

 

Estação Espacial Internacional (ISS):

  • orbita a Terra a 350 km de altitude
  • é o maior satélite artificial visível da Terra
  • mantém-se tripulada desde 2000
  • serve para pesquisa científica

 

Observatório Europeu do Sul (ESO):

  • envolvido na construção e na utilização dos meios mais avançados de observação do Universo em locais ideais (com maior número de noites de céu limpo, menor humidade e sem poluição luminosa)

 

 

 

FORMAÇÃO DO UNIVERSO 

 

Origem e evolução do Universo

 

  • Teoria do Big Bang:
    • toda a matéria do Universo encontrava-se concentrada num espaço pequeno, a uma temperatura elevada, e uma explosão fez com que a matéria se expandisse e posteriormente arrefecesse, dando origem mais tarde às galáxias.

 

Suportes para a formulação desta teoria:

  • expansão do Universo:
    • em 1929, Edwin Hubble conseguiu comprovar que as galáxias estavam a afastar-se umas das outras
    • isso significa que, no passado, as galáxias já estiveram todas juntas
  • radiação emitida na fase inicial do Universo:
    • em 1964, foi captada uma radiação, por um radiotelescópio, que se considerou ser da fase inicial do Universo

voltar ao topo


 

Revê aqui a matéria/resumo/síntese de CFQ:

voltar ao topo


 

VÍDEOS

Lista com 5 vídeos. Para navegar entre os vários vídeos clicar na parte superior direita do player.

(podem sugerir mais vídeos enviando link na caixa de comentários no final deste post)

voltar ao topo


 

EXERCÍCIOS

Ficha 1   |   Como se tornou possível o conhecimento do Universo?   |   enunciado » correção

Ficha 2   |   Teoria do Big Bang, galáxias e enxames de galáxias    |   enunciado » correção

Ficha 3   |   As estrelas e a sua evolução   |   enunciado » correção

Ficha 4   |   A esfera celeste e a orientação pelas estrelas   |   enunciado » correção

Ficha 5   |   Modelos do Universo: modelos geocêntrico e heliocêntrico   |   enunciado » correção

voltar ao topo


 

O que tens de saber neste capítulo, segundo o programa e metas curriculares de Ciências Físico-Químicas – 7º ano:

 

DOMÍNIO: ESPAÇO

SUBDOMÍNIO: UNIVERSO

 

  • Conhecer e compreender a constituição do Universo, localizando a Terra, e reconhecer o papel da observação e dos instrumentos na nossa perceção do Universo
  1. Distinguir vários corpos celestes (planetas, estrelas e sistemas planetários; enxames de estrelas, galáxias e enxames de galáxias).
  2. Indicar o modo como os corpos celestes se organizam, localizando a Terra.
  3. Indicar qual é a nossa galáxia (Galáxia ou Via Láctea), a sua forma e a localização do Sol nela.
  4. Indicar o que são constelações e dar exemplos de constelações visíveis no hemisfério Norte (Ursa Maior e Ursa Menor) e no hemisfério Sul (Cruzeiro do Sul).
  5. Associar a estrela Polar à localização do Norte no hemisfério Norte e explicar como é possível localizá-la a partir da Ursa Maior.
  6. Indicar que a luz emitida pelos corpos celestes pode ser detetada ou não pelos nossos olhos (luz visível ou invisível).
  7. Identificar Galileu como pioneiro na utilização do telescópio na observação do céu (descobertas do relevo na Lua, fases de Vénus e satélites de Júpiter).
  8. Caracterizar os modelos geocêntrico e heliocêntrico, enquadrando-os historicamente (contributos de Ptolomeu, Copérnico e Galileu).
  9. Identificar a observação por telescópios (de luz visível e não visível, em terra e em órbita) e as missões espaciais (tripuladas e não tripuladas) como meios essenciais para conhecer o Universo.
  10. Dar exemplos de agências espaciais (ESA e NASA), de missões tripuladas (missões Apolo e Estação Espacial Internacional) e não tripuladas (satélites artificiais e sondas espaciais) e de observatórios no solo (ESO).
  11. Identificar a teoria do Big Bang como descrição da origem e evolução do Universo e indicar que este está em expansão desde a sua origem.

voltar ao topo


 

Todos os capítulos do programa de Ciências Físico-Químicas – 7º ano:

 

DOMÍNIO: ESPAÇO

 

DOMÍNIO: MATERIAIS

DOMÍNIO: ENERGIA

voltar ao topo


 

PARTILHAR

Também te pode interessar…