Calendário de Candidatura ao Ensino Superior

DATAS IMPORTANTES PARA O ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2023

Data de inscrição de Pré-Requisitos 2023

A inscrição para a realização dos pré-requisitos decorre de 3 a 21 de abril de 2023 nas instituições de ensino superior.

Calendário de ações do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior 2023

Ref.ªAçãoInícioFim
1Submissão do pedido de admissão ao contingente prioritário para candidatos com deficiência pelos estudantes que não sejam titulares de atestado de incapacidade multiúso, que avalie incapacidade igual ou superior a 60%2 de maio31 de maio
2Apresentação da candidatura à 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior – candidatos ao contingente prioritário para emigrantes, familiares que com eles residam e lusodescendentes e candidatos com pedido de substituição de provas de ingresso por exames estrangeiros.24 de julho31 de julho
Apresentação da candidatura à 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior – restantes candidatos24 de julho07 de agosto
3Disponibilização, por via eletrónica, às instituições de ensino superior, das listas de colocação na 1.ª fase do concurso nacional.26 de agosto
4Divulgação dos resultados da 1ª fase do concurso nacional27 de agosto
5Matrícula e inscrição nas instituições de ensino superior dos candidatos colocados na 1.ª fase do concurso nacional28 de agosto30 de agosto
6Apresentação das reclamações aos resultados da 1.ª fase do concurso nacional28 de agosto01 de setembro
7Apresentação da candidatura à 2.ª fase do concurso nacional28 de agosto05 de setembro
8Comunicação, pelas instituições de ensino superior à Direção-Geral do Ensino Superior, da informação a que se refere o n.º4 do artigo 44.º do regulamento do concurso nacional31 de agosto
9Divulgação das vagas a que se refere o n.º5 do artigo 44.º do regulamento do concurso nacional04 de setembro
10Decisão sobre as reclamações referentes à 1.ª fase do concurso nacional.29 de setembro
11Disponibilização, por via eletrónica, às instituições de ensino superior, das listas de colocação na 2.ª fase do concurso nacional.17 de setembro
12Divulgação dos resultados da 2.ª fase do concurso nacional.17 de setembro
13Matrícula e inscrição nas instituições de ensino superior dos candidatos colocados na 2.ª fase do concurso nacional.17 de setembro19 de setembro
14Apresentação das reclamações aos resultados da 2.ª fase do concurso nacional.17 de setembro21 de setembro
15Comunicação, pelas instituições de ensino superior à Direção-Geral do Ensino Superior, da informação a que se refere o n.º 2 do artigo 47.º e o n.º 5 do artigo 49.º do regulamento do concurso nacional.20 de setembro
16Divulgação das vagas a que se refere o n.º 3 do artigo 49.º do regulamento do concurso nacional.22 de setembro
17Apresentação da candidatura à 3.ª fase do concurso nacional.22 de setembro25 de setembro
18Decisão sobre as reclamações referentes à 2.ª fase do concurso nacional.18 de outubro
19Disponibilização, por via eletrónica, às instituições de ensino superior, das listas de colocação na 3.ª fase do concurso nacional.29 de setembro
20Divulgação dos resultados da 3.ª fase do concurso nacional.30 de setembro
21Matrícula e inscrição nas instituições de ensino superior dos candidatos colocados na 3.ª fase do concurso nacional.30 de setembro02 de outubro
22Apresentação das reclamações aos resultados da 3.ª fase do concurso nacional.30 de setembro04 de outubro
23Comunicação, pelas instituições de ensino superior à Direção-Geral do Ensino Superior, da informação sobre os candidatos colocados na 3.ª fase do concurso nacional que efetivamente se matricularam.04 de outubro
24Decisão sobre as reclamações referentes à 3.ª fase do concurso nacional.31 de outubro

Se estás interessado em te candidatar ao ensino superior, é importante saberes as datas de candidatura para cada fase, e informares-te junto da instituição a que te vais candidatar se o curso que pretendes exige a realização de pré-requisitos.


A candidatura ao ensino superior público é feita anualmente através de um concurso nacional organizado pela Direção-Geral do Ensino Superior.

O concurso nacional realiza-se no final do ano letivo e organiza-se em três fases, nos termos do calendário anualmente aprovado.

Ler mais

A candidatura ao ensino superior pelo concurso nacional é feita através do portal da Direção-Geral do Ensino Superior (DGES), devendo possuir para o efeito uma senha de acesso. Para pedir atribuição de senha, o candidato deve preencher o formulário de pedido de atribuição de senha e seguir as instruções apresentadas.

Depois de submeter o pedido de senha, recebe uma mensagem de confirmação no endereço de correio eletrónico que indicou previamente no formulário. Deve confirmar o pedido clicando no link que consta na mensagem recebida.

A confirmação gera um recibo do pedido de senha que deve imprimir e entregar no local por si indicado (escola secundária ou gabinete de acesso ao ensino superior), para que o mesmo seja certificado. Após a certificação, recebe automaticamente a senha no seu endereço de correio eletrónico.

Depois de obtenção da senha junto da escola secundária ou GAES (Gabinete de Acesso ao Ensino Superior), os candidatos, se assim o entenderem, poderão iniciar sessão na plataforma da candidatura online com a chave móvel digital.

A Chave Móvel Digital é um meio de autenticação e assinatura digital certificado pelo Estado português que permite ao utilizador aceder a vários portais públicos ou privados, e assinar documentos digitais, com um único login. Este mecanismo associa um número de telemóvel ao número de identificação civil para um cidadão português, e o número de passaporte ou título/cartão de residência para um cidadão estrangeiro. A ativação da chave móvel digital está disponível em www.autenticacao.gov.pt/a-chave-movel-digital.



Scroll to Top