História 8º ano | Mundo industrializado e países de difícil industrialização

MUNDO INDUSTRIALIZADO E PAÍSES DE DIFÍCIL INDUSTRIALIZAÇÃO

A segunda fase de industrialização

Novos países industrializados
  • Bélgica
  • França
  • Alemanha
  • Estados Unidos da América

Invenção do caminho de ferro

  • Em 1814 – Stephenson construiu uma locomotiva a vapor que podia deslocar um comboio de vagões sobre carris
  • Em 1821 – a Inglaterra inaugurou a primeira ligação, entre Liverpool e Manchester

A Revolução dos transportes

A idade dos caminhos de ferro

A partir de meados do século XIX, a febre da construção ferroviária invadiu a Europa e os E.U.A. Através de pontes, viadutos e túneis o caminho de ferro ia galgando todos os obstáculos. A Europa ficou coberta de uma densa rede de vias-férreas e os continentes americanos e asiáticos foram atravessados, de um extremo ao outro, por linhas transcontinentais.

Evolução dos transportes marítimos
  • Construção de grandes e rápidos veleiros
  • aperfeiçoamento do barco a vapor
  • abertura do canal do Suez e do canal do Panamá
Consequências do desenvolvimento dos transportes

Com o desenvolvimento dos transportes as distancias encurtam-se. As pessoas e as mercadorias passaram a deslocar-se mais depressa e com custos mais baixos. Passou a haver mais migrações e intensificou-se o comércio.

DESENVOLVIMENTO DOS

TRANSPORTES

FORMAÇÃO DE MERCADOS                                ACELERAÇÃO DAS TROCAS

NACIONAIS                                                             INTERCONTINENTAIS

MUNDIALIZAÇÃO DA                                                                                                    ECONOMIA

Novos inventos, novas industrias

Inventos
  • adubos
  • alumínio
  • fibras sintéticas
  • aspirina
  • lâmpada
  • gerador
  • dínamo
  • telefone
  • motor de explosão
Segunda revolução nos transportes
  • automóveis
  • aviões
Novas fontes de energia
  • electricidade
  • petróleo
Modificações no quotidiano

Invenções como o elevador , o frigorífico, o aspirador, o fogão a gás alteraram o modo de vida das pessoas. As máquinas e os aparelhos invadiram o dia a dia das pessoas facilitando as deslocações, o trabalho e a vida doméstica e proporcionando novas formas de comunicação, de divertimento e lazer.


Revê aqui a matéria/resumo de matemática/síntese de História:


EXERCÍCIOS

Em breve


O que tens de saber neste capítulo, segundo o programa e metas curriculares de História – 8º ano:

DOMÍNIO: A CIVILIZAÇÃO INDUSTRIAL NO SÉCULO XIX

SUBDOMÍNIO: MUNDO INDUSTRIALIZADO E PAÍSES DE DIFÍCIL INDUSTRIALIZAÇÃO

  • Conhecer e compreender a consolidação dos processos de industrialização
  1. Identificar as principais características da segunda fase da industrialização (“Idade do caminho-de-ferro”), salientando a hegemonia inglesa e o crucial desenvolvimento dos transportes.
  2. Relacionar a revolução dos transportes (terrestres e marítimos) com o crescimento dos mercados nacionais e a aceleração das trocas.
  3. Identificar as principais características da terceira fase da industrialização (“Idade da electricidade e petróleo”).
  4. Identificar a expansão de processos de industrialização no espaços europeus e extra-europeus, salientando e emergência de potências como a Alemanha, os E.U.A ou o Japão.
  5. Sublinhar a dependência das empresas em relação ao capital financeiro, relacionada com o desenvolvimento deste sector (capitalismo financeiro).
  6. Caracterizar os princípios fundamentais do liberalismo económico relacionando-o com o crescimento económico verificado no século XIX.
  7. Reconhecer a existência de crises cíclicas de superprodução no seio da economia capitalista, especialmente na segunda metade do século XIX.
  8. Reconhecer como o aumento das diferenças nos níveis de desenvolvimento entre países ou regiões facilitou e potenciou o reforço das situações de dominação económica, cultural e/ou político-militar.
  9. Sublinhar que as colónias e os protectorados dos países industrializados se foram transformando em fornecedores de matérias-primas e consumidores de bens e serviços de elevado valor acrescentado oriundos das metrópoles.
  • Conhecer e compreender os principais aspectos da cultura do século XIX
  1. Relacionar a industrialização com o reforço do prestígio e da capacidade de intervenção da ciência e da tecnologia e do seu impacto no quotidiano das populações.
  2. Demonstrar o triunfo do “cientismo” no século XIX.
  3. Caracterizar a “arquitetura do ferro” como expressão estética funcional de sociedades industrializadas e urbanizadas.
  4. Indicar as principais características do impressionismo.
  5. Indicar as principais características do romantismo.
  6. Apontar as principais características do realismo, relacionando este movimento estético com a afirmação das classes médias, com a crítica das condições de trabalho e de vida das classes populares.
  • Conhecer e compreender os sucessos e bloqueios do processo português de industrialização
  1. Enumerar os momentos mais marcantes da conflitualidade político-militar, no seio do liberalismo português, verificada de 1834 a 1850/1851.
  2. Referir os obstáculos à modernização portuguesa na primeira metade do século XIX.
  3. Relacionar a estabilidade política obtida em meados do século XIX com as tentativas de modernização económica durante a Regeneração.
  4. Relacionar as prioridades do Fonetismo com o aumento da dívida pública e com a dependência financeira face ao estrangeiro.
  5. Avaliar os resultados da Regeneração ao nível económico, demográfico e social.

|   Voltar à lista dos conteúdos do 8º ano – História   |

Também te pode interessar…