Português 7º | Verbos irregulares e verbos defetivos (impessoais e unipessoais)

VERBOS IRREGULARES; VERBOS DEFETIVOS (IMPESSOAIS E UNIPESSOAIS)

 

 

VERBOS REGULARES, IRREGULARES E DEFETIVOS

 

Flexão verbal

O verbo pode ser regular, irregular ou defetivo.

 

Verbo regular:

  • respeita a flexão do paradigma a que pertence (mantém o radical em toda a a conjugação e as terminações do tipo de conjugação a que pertence)
    • verbo saltarsalto, saltas, salta, saltamos, salteis, saltam.

 

Para ver o paradigma flexional de cada tipo de conjugação: clicar aqui

 

Verbo irregular:

  • apresenta desvios da flexão do paradigma a que pertence (ou não mantém o radical em toda a conjugação* ou não segue as terminações dos verbos da sua conjugação**)
    • * verbo pedirpeço, pedes, pede, pedimos, pedíeis, pedem
    • ** verbo ir – na 1ª pessoa do singular, no presente do indicativo, não termina em -o: vou

 

Exemplos de verbos irregulares: dar, dizer, fazer, haver, ir, poder, saber, ser, ter, ver, vir, …

Para ver a conjugação de alguns verbos irregulares em todos os modos e tempos: clicar aqui

 

Verbo defetivo:

  • tem  conjugação incompleta, não apresentando flexão em todas as formas possíveis.

 

O verbo defetivo pode ser ainda:

  • impessoal: flexiona-se apenas na 3ª pessoa do singular
    • verbos que exprimem fenómenos da natureza: Choveu muito ontem
    • verbo haver quando significa existir: muito pó aqui
    • verbo fazer quando indica tempo decorrido: Faz hoje um mês que te conheci
  • unipessoal: flexiona-se na 3ª pessoa do singular e do plural
    • verbos que exprimem sons de animais: O cão ladra e os gatos miam
    • certos verbos que indicam necessidade, conveniência ou sensações: Convém vires cedo

 

 

|   Voltar à lista dos conteúdos do 7º ano – Português   |

 

You may also like...