Estarão os dados pessoais inseridos no Portal das Matrículas seguros?

 

O Ministério da Educação revelou que o Portal online das Matrículas foi alvo de “ataques informáticos de elevada complexidade (…) que provocaram graves bloqueios no sistema.” Tal facto contribuiu para a decisão de voltar atrás e de dispensar as renovações de matrículas para quase todos os alunos.

 

Sendo assim, as renovações vão ser processadas de forma automática, com exceção dos anos de início de ciclo (5.º, 7.º e 10.º anos). De fora da renovação automática ficam também os casos em que o aluno muda de escola.

 

No entanto, muitos pais têm-se questionado sobre a segurança dos seus dados pessoais já inseridos na plataforma, pois o tipo de ataque informático não foi especificado.

 

Seria pertinente um comunicado por parte do Ministério da Educação de forma a esclarecer se os dados pessoais inseridos na plataforma estão seguros ou não.

 


MAIS NOTÍCIAS

 

#EstudoEmCasa – A telescola vai voltar neste ano letivo

Apesar do ano letivo arrancar com aulas presenciais, o Governo decidiu avançar com novos conteúdos a partir de outubro, desde o 1º ao 12º ano de escolaridade

0 comments

Que alunos terão de usar máscara durante as aulas?

Existem exceções previstas ao uso de máscara

0 comments

Quais os procedimentos em caso de suspeita de aluno infetado com covid-19?

As escolas já conhecem os procedimentos a adotar em casos suspeitos e confirmados de covid-19.

0 comments

 

Também te pode interessar…

Ajuda o nosso site colocando gosto na nossa página de Facebook!