Mudam-se os tempos!… Mas não se mudam as vontades!…

mudam-se os tempos“Os tempos mudaram!… Hoje em dia é cada vez mais difícil para o professor manter a disciplina dentro da sala!… Os professores foram desautorizados!…” . Ouvimos muitas vezes os professores queixarem-se com frequência. E sonham em ter a turma de alunos perfeita sem rufias ou alunos que destabilizam a aula… Era o paraíso na terra!… Mas que graça teria isso? É muito mais motivante e desafiante uma turma de alunos heterogéneos e estar na procura constante por estratégias e formas lúdicas de apresentar a matéria.

“O profe é um porreiraço!… Temos de combinar um jantar de turma e convidar o profe!…”. Ouvimos por vezes os alunos a comentar entre si. E sonham ter um professor que é um grande amigo… O sonho de todo e qualquer aluno!…

E aí soa um alarme… Pelo menos na minha cabeça… E ponho-me a pensar… Como é que um professor pode se sentir desautorizado ou se sentir impotente perante os alunos que são crianças ou adolescentes? Ele é o professor!… E quer os alunos queiram, quer não, é um adulto e autoridade dentro da sala de aula e dentro da escola… E meus senhores, em última instância, isto não é a anarquia e quem manda na sala de aula é o professor e à que aprender a lidar com isso!… É óbvio que é muito mais fácil contar umas anedotas, estar de conversa com os colegas, mandar sms, estar nas redes sociais a saber as coscuvilhices do momento… Mas espantem-se!… A escola é para aprender e o professor está ali para desempenhar o seu papel como agente transmissor de conhecimentos e fomentador da aprendizagem… Existem aulas e matérias que são uma seca!… É verdade!… Eu sei também as tive!… E compreendo perfeitamente o que sentem, mas ninguém disse que para se ser alguém na vida não teríamos de suportar as malfadadas disciplinas que não nos interessam minimamente…

Claro está que cabe aos professores serem criativos e originais na sua abordagem às matérias, nem sempre é fácil… Eu sei!… Mas se conseguirmos criar nos nossos alunos a espectativa da surpresa na aula seguinte, com certeza que estarão sempre pelo menos, no mínimo, curiosos para saberem o que lhes vai reservar a próxima aula. E apesar de serem crianças e/ou adolescentes a expetativa é sempre algo que os cativa e que os mantem no suspense. A dinâmica na sala de aula é muito importante e a relação com o professor estabelece-se dentro da sala e não fora dela. Há que saber separar o papel que cada um desempenha neste processo: professor motiva à aprendizagem, aluno efetua processo cognitivo de assimilação e acomodação de conhecimentos.

Penso que não nos podemos esquecer que a escola não é o clube dos amigos, mas sim o nosso local de trabalho, trabalho esse que devemos desempenhar com o maior profissionalismo e empenho de forma a atingir os nossos objetivos, diminuição do insucesso e abandono escolar.

Mudam-se os tempos é verdade!… Mas cabe-nos a nós manter a vontade de atingir os nossos objetivos como professores e profissionais competentes!…

 

Susana Lionço

 

|   Artigos   |

 

You may also like...